Publicado por: Pedro Cordier | 03/09/2008

[POESIA] Passa Tempo

Passa, passa, passa…
Passa, passa, passa…

Passa a hora,
Passa a vida
E eu olhando…
Procurando perceber,
Tentando discernir,
Buscando aprender…

Tento ver se o tempo para
Para que eu possa
Ter tempo
De ver o que se passa…

Tento olhar com calma

Para esse tempo apressado
Mas somente vejo borrões…

Como se,

De repente,
Eu me encontrasse
a bordo do trem da vida,
no vagão da minha existência,
olhando de uma janela
em várias direções…

Passa, passa, passa…

Passa, passa, passa…

Se o tempo não para

Paro eu: sssssshhhhhh!!!!!

Não controlo o tempo

Mas o trem é meu!!!

Assumo o comando

E me deixo levar…
feliz,
Tranquilo…
Pelos caminhos que Deus me deu…

Pedro Cordier

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: